WHATEVER

Archive for setembro 2006

Primeiro meu DVD resolveu não ler mais disco nenhum.
Nada.
Nenhuma área.

Depois minha TV resolveu que ela só gosta da cor verde, o que eu acho que é pessoal já que não gosto de verde!

Semana passada, exatamente na quinta, um dia antes do inicio do Festival, meu celular resolveu que não funciona mais.

E hoje, na academia, meu MP3 player parou de tocar e tive que malhar ouvindo Jovem Pan…

Enfim, resolvi então bater um papo com meu computador e tratá-lo melhor depois disso.
Vai que ele se une aos outros no motim contra mim?

Fiquei preocupada, né?!

Eu amo minhas máquinas, não vivo sem elas e não me importo de viver na Matrix, porque tenho certeza que não ia sobreviver por muito tempo fora dela!
Imagina, viver num mundo onde as pessoas passam o resto da vida num show do Olodum?!

Anúncios

Academia + Trabalho + Festival = nenhum tempo pra postar aqui… 😦

Pois é,
Essa é a minha época do ano favorita aqui no Rio.

Quinta teve o show do Franz Ferdinand, semana que vem começa o Festival do Rio e em outubro tem o TIM Festival, com Daft Punk, Yeah Yeah Yeahs e Beastie Boys!

Me sinto tão parte do mundo, hehehe.

Então quinta eu fui no show dos Beat… quer dizer…. do Franz Ferdinand.
Ok, a brincadeira é porque antes de começar o show tocaram vááárias músicas dos Beatles, e no ápice da espera a galera acompanhou Yellow Submarine animadamente, com direito a abaixarem o som no refrão, foi surreal!
No ínicio, apertada ali no meio de 4.000 pessoas que se empurravam para poderem ver alguma coisa do show, me deu muita raiva do infeliz que achou que a Fundição Progresso era o lugar ideal para um show daquele porte e eu fiquei pensando porque não sou fã do James Blunt?…

Mas daí o Franz entrou no palco e tudo passou, raiva, cansaço, calor e eu lembrei porque eu não sou fã do James Blunt: Ele não tem nem metade do sexaple do Alex, a empolgação do Nick, a simpatia do Paul e… bem… é… hmmm… um baixista que nem o Bob. ¬¬
E também vamos combinar que ninguem merece as músicas de corno que ele canta gemendo. Se ainda fosse o She Wants Revenge Meu negócio é Rock n’ Roll!!!

Eles já entraram com força total, dessa vez totalmente a vontade com o público, como velhos amigos de longa data. Alex todo de preto, cinto vermelho e um tênis verde e outro amarelo. hein?! Palco maior, público maior, luzes, efeitos, tudo que eles tinham direito. Mas “aquele” som da Fundição, sabe?

Carismático como sempre, dessa vez não se assustou nem um pouquinho de ver que TODO MUNDO ali sabia cantar todas as músicas. Fofo, tentou falar português, conversou com a platéia, deixou o Nick cantar, fez suas poses de superstar e nos convidou a cantar parabéns para o Paul, que depois, eu acho, agradeceu. 😉

E os outros integrantes da banda não fizeram feio.
Nick brincava com a platéia.
Paul revezava com ele na guitarra e bateria.
Bob sorria tímido do canto dele.
E até o quinto FF, Andrew, que toca teclado nas músicas que eles precisam de todos os instrumentos, ajudou em um dos momentos mais foda do show, quando ele, Paul e um roadie tocaram bateria a seis mãos e muito ritmo!

Sim, o show do Circo ficou pra história, foi inesquecível tanto pra quem tava lá, quanto pra banda. Foi paixão a primeira vista. Mas quinta foi maravilhoso também. Foi, como eu li em uma matéria, um reencontro de dois amantes.
Também, quem não ficaria muito feliz com o presente que ganhamos?
Dois shows deles em menos de 1 ano?

Agora eles vão dar um tempo e gravar o terceiro álbum.
Nós ficamos aqui aguardando. Porque temos certeza que quando eles estiverem na estrada de novo, esse caminho eles não esquecem nunca mais!

O show ontem foi muito foda!

Só que agora tô muito cansada para contar.
Amanhã quando meu cérebro voltar a funcionar pelnamente eu conto tudo.

Enquanto isso, olhem essa notícia que tava no site oficial do FF:
(vai em inglês mesmo, porque tô com preguiça)

——————–
ROCK IT TO RIO

Acclaimed director Don Letts filmed the band on their February tour of South America, and an abridged version of the documentary will air on Channel 4 on Sunday 24th September at 11:50.

The film features footage from sold-out shows in Chile, Brazil and Argentina, support slot appearances with U2 in Sao Paulo, and the recording of new songs ‘Wine In The Afternoon’ and ‘Ghost In A Ditch’.’Ghost In A Ditch’.

Letts commented on his project with Franz Ferdinand:

“When I got the call to see if I wanted to ‘cover’ Franz in South America I jumped at the chance. My last few films have been very controlled stylistically so it was a great opportunity to return to my punk roots. It’s been a while since I’ve seen any ‘frontline’ action and their mix of style and intellect combined with classic pop songs and a dynamic live show was just what I needed to deliver a film with the kind of energy that got me started in the first place.”

Franz Ferdinand are currently back in South America performing three shows in Brazil and Mexico, their last shows before the band take time off to start writing and recording their third album in early 2007.
——————–

(ou seja, dia 25 tô procurando isso pra baixar)

E hoje vou no show do Franz Ferdinand na Fundição.
CLARO!!!
É muita emoção poder ir no show deles DUAS VEZES no mesmo ano 😉

Mas tenho certeza que esse de hoje vai ser bom, muito bom, mas não sei se vai ser tão bom quanto o de fevereiro, que foi antológico!

Amanhã eu conto tudo, pode deixar…

Mesmo assim queria muito ir pra São Paulo no show do Art Brut 😦