WHATEVER

ROMÊNIA 1462

Posted on: fevereiro 9, 2007

Ontem foi um dia que me fez pensar que estamos regredindo no tempo.
Que a barbaridade que aconteceu com aquele menininho de 6 anos mostrou que voltamos a viver na Idade Média, ou até antes, na época dos Bárbaros.
A revolta é muito grande, o desânimo e a falta de fé que as coisas possam mudar, também. Vivemos com medo, passamos a ser prisioneiros dentro de nossa própria cidade. O governo grita aos 4 cantos que vai fazer e acontecer, e nós continuamos acuados, sem perspectiva.
Começo a achar que se voltamos a viver na Idade Média, então deveríamos agir como tal.
Voltarmos a época de Vlad Tepes e tratar esses bárbaros que nos amedrotam e matam pessoas sem pensar e com requintes de crueldade, da mesma maneira. Que sejam empalados em praça pública!
Não respeitam as pessoas? Não respeitam a vida do outro? Não se importam que para conseguir o que querem façam o que for preciso?
Se é olho por olho, dente por dente, que passamos a trata-los da mesma maneira!
Eu nunca fui a favor da pena de morte, mas o fato de ontem me mostrou que as pessoas que fizeram isso, não são e não podem ser humanas. Logo não devem ser tratados como tal.
Bárbaros devem ser tratados como bábaros: Empalados, jogados aos leões ou virarem tiro ao alvo de flechas e lanças.
Na verdade tudo que peço é apenas por um governante mais duro e mais decidido.
O que precisamos é justiça.

Anúncios

4 Respostas to "ROMÊNIA 1462"

Ah Rafa…

Tem tanta coisa que eu discordo disso que você falou que nem sei por onde começar…

Já sei! Nos pontos que concordo. Na falta de respeito para com as pessoas.

Não sei se é impressão minha, mas não vejo o “amor ao próximo” muito em voga hoje em dia. É um tal de culto ao me, myself and I que tendemos a coisificar o outro.

E quando o outro vira uma coisa, fica fácil empalá-lo, enforcá-lo ou colocar numa vala coletiva. Ou mesmo arrastar pela rua afora amarrado no escapamento de um carro.

Me dá dó ver uma pá de gente falar da violência, da falta de respeito para com as leis e as “autoridades” quando a prática de cada um é justamente o oposto.

Me dá dó ver a galera reclamar da corrupção do governo, enquanto sonega imposto, instala programa pirata, compra DVD em camelô, paga propina pros guardas, compra drogas “no asfalto”.

É triste saber de cenas como a do menino arrastado? é sim. Devemos nos indignar? certamente. Mas é muito fácil arrolar o ódio que coisas como essas despertam na gente em ações e bandeiras que, na melhor das hipóteses, não mudam nada na base.

Pena de morte resolve? Não creio já que o problema é a impunidade, não a pena em si.

Governo forte resolve? Definitivamente, não. Tivemos 25 anos de ditadura e ali foi plantada a semente de uma violência endêmica que hoje dá esse tipo de fruto.

Não sei se é uma síndrome de poliana da minha parte, mas eu não acredito em soluções fáceis para problemas difíceis.

Mas a indignação é boa. Só rezo para que ela não se torne uma reedição de 1933, na Alemanha.

Acho que vc entendeu tudo errado o que eu disse.
1. Em nenhum momento afirmei ser de acordo com algum tipo de ditadura, só acho que tá na hora de o governo reagir.

2. Cansei da Anistia Nacional só se importar com marginal.

3. E sim, uma criança de 6 anos ser arrastada até morrer enquanto a mãe assiste, é uma das coisas mais bábaras que pode acontecer! Nesse caso acredito no olho por olho, dente por dente sim! Esse foi o limite, tá mais do que na hora de uma atitude. Enquanto eu não me sentir o minimo possível segura vou continuar falando mal do governo sim. Faço minha parte e exijo que ele faça a dele também!

O que dizer dessas criaturas, monstros, para dizer o mínimo e quem tem dó deles é porque nunca teve ou não faz idéia do que é ser vítima deles direta ou indiretamente.
Acho que eles deveriam ser levados para a Praça da Apoteose, e com transmissão em rede nacional, serem queimados vivos. É isso ainda seria pouco.
Seja a anistia internacional ou quem fosse, que protestasse, deveria ir junto para a execução.
O resto é chega de moleza para essa corja que comete uma atrocidade dessas na frente de inumeras testemunhas.

Ê Rapha… acho que as bolas foram trocadas novamante aí!! =)))

Não disse que você disse a, b ou c. disse que “uma pá de gente”, sacou?

Mas você comenta, explicitamtente, de um governo mais forte. Em suas palavaras “tudo que peço é apenas por um governante mais duro e mais decidido” e eu ressaltei que governo não tem de ser forte, muito pelo contrário, os governos têm de ser eficaz, o que é bem diferente.

E reclamar do governo é direito de todo mundo sim. Só que, repito, acho graça de gente que fala mal do governo e não tem noção/ação cívica. =)

Beijocas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Coloque seu e-mail para receber novidades e notificações do Blog.

Junte-se a 4 outros seguidores

Tuitando:

Flickr Photos

Blog Stats

  • 16,753 hits
%d blogueiros gostam disto: